A descoberta de sete novos planetas reacende a questão: será que estamos sozinhos no universo?

237

A Nasa está a um passo de entender se existe outro planeta semelhante à Terra.

A agência espacial dos EUA descobriu sete planetas orbitando uma estrela próxima. Três desses planetas estão em órbitas que possibilitam água líquida em sua superfície.

Interpretação de um artista de sistema solar com muitos planetas (Nasa)
Qualquer um dos três planetas do sistema Trappist poderia conter água líquida, de acordo com cientistas (Nasa)

“A descoberta nos dá uma dica de que encontrar uma segunda Terra não é apenas uma questão de se, mas quando”, disse Thomas Zurbuchen do Diretório da Missão Científica da Nasa em 22 de fevereiro.

Os sete planetas rochosos* ainda não têm nomes. Eles orbitam uma estrela anã chamada Trappist-1 que fica a cerca de 40 anos-luz de distância.

A tecnologia atual não permite que os cientistas observem diretamente os novos planetas. Mas no próximo ano, quando a Nasa lançar o Telescópio Espacial James Webb*, os cientistas serão capazes de descobrir se três dos planetas têm água líquida e outros produtos químicos que aumentariam a probabilidade de vida.

Os planetas foram descobertos por um telescópio belga no Chile chamado Trappist e pelo Telescópio Espacial Spitzer da Nasa.

* site em inglês