Forças militares dos EUA estão cumprindo sua missão de ajuda no Nepal

Fuzileiros navais dos EUA e soldados do Nepal descarregam suprimentos de um helicóptero no Nepal em 19 de maio (Departamento de Defesa)

A Força-Tarefa Conjunta 505 das Forças Armadas dos EUA está concluindo seu trabalho de resposta emergencial no Nepal, enquanto os Estados Unidos e parceiros de todas as partes do mundo continuam seus esforços para ajudar o país montanhoso em sua recuperação e reconstrução depois do terremoto devastador.

Os Estados Unidos disponibilizam recursos militares como uma primeira medida imediatamente após desastres naturais para garantir auxílio até que equipes civis e organizações não governamentais possam ser mobilizadas.

A Força-Tarefa Conjunta 505 lançou a Operação Sahayogi Haat (“mão amiga” em nepalês) para salvar vidas e reduzir o sofrimento humano após um terremoto de magnitude 7,8 atingir o Nepal em 25 de abril. Durante a operação, a Força-Tarefa Conjunta 505 entregou cerca de 114 toneladas de suprimentos de emergência e alimentos em apoio à Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (Usaid). Com a entrega do material de emergência, a força-tarefa transportou 534 socorristas e conduziu 63 evacuações médicas.

‎“Somos gratos pelas contribuições substanciais da Operação Sahayogi Haat nos esforços de socorro pós-terremoto”, disse Peter Bodde*, embaixador dos Estados Unidos no Nepal.  “As missões emergenciais conjuntas conduzidas pelas forças militares dos EUA e do Nepal foram essenciais para a sobrevivência dos que mais precisavam e reforçaram a estreita parceria dos Estados Unidos com o Nepal e seu povo.”

Militares dos EUA colocam suprimentos de emergência em uma aeronave no Nepal em 17 de maio (Departamento de Defesa)

A demanda pelo auxílio da Força-Tarefa Conjunta 505 nos esforços de recuperação está diminuindo, disse o vice-almirante do Corpo de Fuzileiros Navais John Wissler, comandante da força-tarefa.

“Vamos continuar trabalhando em estreita colaboração com nossos parceiros do Nepal e a Usaid para assegurar que sejam atendidas todas as necessidades que possam surgir durante a transição coordenada e a volta de nossos militares, enquanto permanecemos no Nepal”, disse Wissler.

O Departamento de Defesa e as forças militares do Nepal compartilham uma longa história de cooperação*. As forças militares dos EUA criaram um banco de sangue resistente a terremoto e centros de operação de emergência no Nepal antes mesmo do terremoto de 25 de abril.

Até 19 de maio, a ajuda humanitária dos EUA para o Nepal chegou a quase US$ 47 milhões, incluindo US$ 32,5 milhões em financiamento da Usaid e US$ 14,3 milhões do Departamento de Defesa.

Apesar dos esforços da comunidade internacional, ainda é preciso mais auxílio. Visite este site* para ver uma lista de organizações que prestam ajuda ao Nepal neste momento de necessidade.

* site em inglês