Impressão 3D confere à estatueta do Oscar um visual clássico

31

O símbolo da maior conquista do cinema, a estatueta dourada do Oscar, está sendo remodelada para o Oscar de 2017.

A academia cinematográfica anunciou que uma empresa de fundição de Nova York está restaurando traços do design original de 1929 às estatuetas do Oscar usando recursos de digitalização e impressoras 3D.

A empresa de fundição Polich Tallix Fine Art levou três meses para produzir as 50 estatuetas necessárias para a cerimônia usando o processo de alta tecnologia.

Anteriormente, o Oscar era feito de uma maneira mais tradicional por R.S. Owens & Company, empresa de fundição da academia há 34 anos, localizada em Chicago.

O método de impressão 3D agiliza o processo, segundo Daniel Plonski, artista de 3D da empresa, e também permite que a impressão seja fiel ao original art déco.

Pessoas ao redor do mundo estão usando impressoras 3D para estimular a criatividade e desenvolver negócios.

O Oscar ainda é banhado em ouro 24 quilates e as dimensões permanecem as mesmas: a estatueta tem 34 centímetros de altura e pesa 3,9 quilos. Esse apelido* foi dado por uma bibliotecária da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, Margaret Herrick, que observou que a figura parecia muito com seu tio Oscar.

As estatuetas reluzentes estarão expostas na 89ª cerimônia dos Prêmios da Academia de Hollywood a ser realizada no dia 26 de fevereiro em Los Angeles.

* site em inglês